Neste calor, nada como uma sopa…. gelada

Cheguei em casa dias destes, me arrastando, derretendo, me desfazendo em suor. Estava com fome, mas não conseguia nem pensar em comer. Então lembrei de uma receita japonesa. Juro que tem um nome, bonito e tchans, mas eu, japonesa torta que sou, não lembro. Fazer o que?

Bom, vamos a sopa:
Tudo começa com um caldo, feito com água, hondashi (um caldinho em pó que você acha em qualquer supermercado), shoyu e legumes. Meus favoritos são bardana e cenoura, mas na falta da bardana foi um shitake que tava dando mole na geladeira. Mas, na boa, só cenoura funciona, abobrinha funciona, vagem idem. O importante é não colocar carne neste caldo, porque senão na geladeira acaba formando uma camada de gordura e/ou gelatininha que não apetecem. Quantidades e proporções, fico devendo porque nunca meço nada quando faço este caldo. Mas não tem segredo: a coisa é visual e depende do gosto de cada um. Coloque shoyu até ficar com uma agradável cor dourada. Hondashi, um envelopinho. Legumes, a vontade, picados bem fininho. Os ingredientes são tão gostosos que não tem como ficar ruim. Vai com fé.


Enquanto o caldo vai fervendo em fogo baixo e tomando gosto, cozinhamos o macarrão. Aí cabe uma ressalva. Para a sopa gelada, gosto do macarrão fininho, de somen. Só que não tinha na despensa, então fui do mais grossinho, de udon. É o mesmo macarrão, só muda o formato. De novo, super fácil de acahr em qualquer supermercado. Se estiver difícil de achar, pergunte pro primeiro japonês que passar na sua frente. Ele vai saber.

E é só cozinhar como qualquer outro macarrão. Só não adicione sal nem óleo, se você faz isso com seu espaguete de domingo.
Quando estiver pronto, escorra a água quente e encha a panela de água fria (de preferência gelada).



Bote tudo na geladeira e vá cuidar da vida. Na hora de comer, monte sua tigelinha assim: um punhado de macarrão escorrido, misturinhas e uma concha do caldo com legumes. Misturinhas são qualquer coisa que você tiver em casa e apetecer no momento. Pode ser carne grelhada em lasquinhas. Cebolinha picadinha. Tofu em cubinhos. Omelete em tirinhas. Deixe sua criatividade falar alto. O meu foi de frango grelhado, pepino e cebolinha.

Fácil, rápido, leve, nutritivo, refrescante e saboroso.
E, o melhor, pode ser feito com antecedência.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s